Como funciona?

 

Os processos de coaching são compostos de, em média, 10 a 12 sessões, podendo ser estendidos conforme as necessidades de cada coachee.

São reuniões semanais com duração de aproximadamente 60 minutos, nas quais o coach aplica uma metodologia para identificar os objetivos do cliente, estimulá-lo a fazer descobertas e, assim, definir quais serão as etapas para a realização do trabalho com sucesso e de forma totalmente personalizada.

De acordo com o desenvolvimento específico que se espera, são estabelecidos os objetivos e as respectivas estruturas de avanço que serão acompanhadas por meio de reuniões periódicas entre o coach e o profissional.

As reuniões podem acontecer de forma presencial, no local de trabalho do coachee, no escritório da Coach em São Paulo ou ainda por Skype – o que possibilita que uma pessoa participe das sessões de qualquer lugar do mundo.
 

Julianna Lima Coaching
 

 

Diferenças entre Coaching e Psicoterapia

A psicoterapia possui função terapêutica, atua sobre processos mais profundos do ser humano e somente pode ser conduzida por profissional habilitado.. Já no coaching a atenção é voltada para questões mais pontuais, com foco na mudança de comportamento em prol de resultados.

Em um processo de coaching, o foco não está em um tratamento, diagnóstico e muito menos cura, mas sim em ações e direcionamento futuro.

O objetivo é orientar o coachee em termos de ações para alcançar seus objetivos e metas, sempre olhando para o futuro, e não para o passado, como acontece em um processo terapêutico.

 

 

Diferenças entre o Coaching de Carreira e outros processos

Não é um processo de Outplacement, que visa a recolocação no mercado de trabalho;

Não é uma consultoria de carreira ou Career Counseling, nas quais o consultor fornece respostas prontas e ajuda o profissional com alguma demanda específica logo no início do processo (como elaboração de currículo, preparo para entrevistas de emprego, definição de mercado alvo, etc.).